terça-feira, 4 de dezembro de 2012

The Falling Wallendas - Discografia básica

Banda: The Falling Wallendas
Gênero: Alternative Rock, Indie Rock, Hard Rock

 
Cover
Disco: The Falling Wallendas
Ano: 1995
Faixas:
1. A Good Thing (3:18)
2. The Adorable Horrible (3:28)
3. Hyde & Seek (3:23)
4. Monkey's Uncle (3:54)
5. Mitchell Cooper (4:18)
6. Hanging (4:30)
7. Venus Kicked The Stars (3:56)
8. Backwards Going (2:48)
9. My Big Brain (2:48)
10. Damn Spot (4:05)
11. Sleeping Beauty (3:58)
12. What Ever Happened To Jenny Fountain (0:49)
13. Dummy (3:07)
14. Lion On The Lamb (4:10)
15. Agatha (3:36)
Músicas de autoria de Allen Keller e Scott Bennett.
Créditos:
Scott Bennett: Vocals, Bass, Guitar, Keyboards, Percussion
Allen Keller: Vocals, Guitar
Arch Alcantara: Guitar, Backing Vocals
Todd Sucherman: Drums, Percussion
Músicos convidados:
Larry Pecorella: Accordion ("Backwards Going", "Monkey's Uncle")
Mia Berkman: Vocals ("Mitchell Cooper")
Larry Gray: Arco Bass ("Agatha")
https://goo.gl/3eD7C3

Cover
Disco: Belittle
Ano: 1997
Faixas:
1. Plato's Cave (3:49)
2. Captain Beefheart (3:22)
3. Porn (4:11)
4. Porcupine (3:46)
5. Eligible Bastard (3:53)
6. Wouldn't Let Go (3:07)
7. Raven (2:32)
8. Clove Oil And Demerol (2:57)
9. Baby Talk (3:26)
10. Homecoming Queen (2:02)
11. Sanctuary (4:29)
12. Brothers Grim (3:31)
13. Orion (2:54)
Músicas de autoria de Allen Keller e Scott Bennett, salvo "Baby Talk", composta por Averre e Fieger.
Créditos:
Scott Bennett: Vocals, Bass, Guitar, Keyboards
Allen Keller: Vocals, Guitar
Arch Alcantara: Guitar, Backing Vocals
Todd Sucherman: Drums, Percussion
http://tiny.cc/shqfcy


Biografia:
Um grupo powerpop alternativo de Chicago, a Falling Wallendas mostrou o talento dos compositores Allen Keller (guitarra, vocais) e Scott Bennett (baixo, vocais), junto com o guitarrista Arch Alcatraz (sic) e o baterista Todd Sucherman.

1
Seu disco homônimo de estréia foi lançado pela IMI em 1995, seguido de "Belittle", em 1997 (Steve Huey, site AllMusic; tradução livre do inglês).

segunda-feira, 26 de novembro de 2012

Geoff Richardson & Jim Leverton - Poor Man's Rich Man

Cover
Músicos: Geoff Richardson & Jim Leverton
Disco: Poor Man's Rich Man
Ano: 2000
Gênero: Classic Rock, Folk Rock
Faixas:
1. As Long As She Knows (Leverton) 3:29
2. I'm Looking Through You (Lennon, McCartney) 3:34
3. Roll On Babe (Adams) 4:20
4. In My Time (Richardson) 4:06
5. Paul's Dance (Jeffes, Nye) 2:42
6. Old Heaven Hill (Leverton, Marriott) 2:58
7. It Won't Mean Much To You (Leverton, Richardson) 4:39
8. Bright New Way (Landon, Leverton) 2:53
9. Girl Across The River (Leverton) 3:35
10. Poor Man's Rich Man (Leverton, Marriott) 2:56
11. Follow Your Heart (Leverton) 3:45
Créditos:
Tim Denman: Backing Vocals
Bernie Eveleigh: Backing Vocals
Derek Hefferman: Banjo, Backing Vocals
Luce Langridge: Drums, Percussion
Jim Leverton: Vocals, Backing Vocals, Acoustic Guitar, Bass Guitar, Keyboards
Jeulie Palliser: Vocals, Backing Vocals
Alan Pattinson: Harmonica
Nich Peachey: Accordian
Geoffrey Richardson: Violin, Viola, Cello, Acoustic Guitar, Electric Guitar, Ukelele, Clarinet, Penny Whistle, Kalimba, Backing Vocals
Kevin Richards: Backing Vocals
Tony Richardson: Saxophones (Soprano, Tenor, Baritone)
David Sinclair: Keyboards
http://freetexthost.com/lfjxt46z51

Resenha:
Geoff Richardson e Jim Leverton são membros da banda de rock progressivo Caravan, de Canterbury, e trabalharam com Anthony Pillips. "Poor Man's Rich Man" é o segundo disco da dupla Richardson e Leverton. A música aqui não tem nada a ver com rock progressivo, mas mantém a brilhante qualidade do som de Canterbury. As canções, inseridas na tradição cantor-compositor, têm melodias cativantes e arranjos exuberantes e inteligentes, incluindo violino, violoncelo e banjo.

2

Ele tem a classe da sonoridade de Canterbury, e o material de Peter Blegvad imediatamente vem à mente (especialmente quando se considera a faixa-título), assim como as canções da Caravan dos anos 90. Em "It Won't Mean Much To You", o vocal de Leverton e a sensação geral da música chegam muito perto de Shawn Phillips. Em outros momentos, a música está mais próxima da Fairport Convention ("Paul's Dance"). O cover "I'm Looking Through You", dos Beatles, também é convincente. Tudo somado, um disco bom e honesto, com melodias íntegras e letras eficientes, na linha tradicional do pop de Canterbury. Os fãs do estilo mais solto de artistas como Richard Sinclair, David Sinclair (que participa, como convidado, no disco), Caravan e Blegvad não vão se decepcionar (François Couture, AllMusic; tradução livre do inglês).

sábado, 29 de setembro de 2012

Three Minute Tease - Love Is Onion [Vídeo]


Neopsicodelia... Não importa a mediocridade que impera atualmente nas rádios e nas televisões. Sempre vai ter alguém para admirar esse tipo de música. Como eu.

sexta-feira, 24 de agosto de 2012

The 45s - 45s

Cover
Banda: The 45s
Disco: 45s
Ano: 1999
Gênero: Alternative Rock, Powerpop
Faixas:
1. Waiting For My Heart To Break (Ben Hales) 2:37
2. Got To Tell Her (Ben Hales, Matt Hales) 3:16
3. Sundial (Ben Hales, Matt Hales) 3:24
4. Walk Around The Corner (Ben Hales, Matt Hales) 3:56
5. Thinking It Over (Ben Hales) 3:45
6. Give My Heart (Matt Hales) 2:28
7. Something Real (Matt Hales) 3:30
8. Time Is The Enemy (Ben Hales, Matt Hales) 3:35
9. On Top Of The World (Vincent-Brown, Ben Hales, Matt Hales) 4:05
10. Anaesthetic (Vincent-Brown, Ben Hales) 3:58
11. I Thought You'd Never Ask (Ben Hales, Matt Hales) 3:56
Créditos:
Stephen Cousins: Vocals, Bass
Ben Hales: Vocals, Guitar
Matt Vincent-Brown: Drums
Matt Hales: Lead Vocals, Piano, Organ
Dan Tuite: Bassman ("Something Real")
Neil Riley: Trumpet ("I Thought You’d Never Ask")
Logo Design by FlamingText.com

Biografia:
A pequena biografia da banda (que não existe mais), a seguir transcrita, em tradução livre do inglês, foi extraída do site Music Scene.
A 45s era uma banda composta pelos irmãos Matt Hales e Ben Hales, mais Stephen Cousins e Matt Vincent-Brown, que originalmente se apresentava com o nome de Ruth.

The 45s
A banda assinou contrato com a Mercury Records em 2001, para a gravação de dois singles, que foi cumprido com o lançamento de "Something Real" e "Waiting For My Heart To Break". Em sequência, realizaram miniturnês em pequenas salas para promover os dois álbuns, em 2002, mas, com a vendagem em ritmo lento, o grupo não conseguiu prorrogar o contrato com a gravadora (embora um álbum tenha sido gravado e disponibilizado no website da banda [nota minha: o site não existe mais]). A banda se separou, e logo depois Ben e Matt formaram a banda Aqualung, após o sucesso da canção "Strange & Beautiful", composta para um anúncio da Volkswagen.

segunda-feira, 20 de agosto de 2012

Ruth - Harrison [Japanese Version]

Cover
Banda: Ruth
Disco: Harrison [Japanese Version]
Ano: 2000(*)
Gênero: Alternative Rock, Powerpop
Faixas:
1. Chicken (2:50)
2. Crash (3:22)
3. You Take Me Over (3:16)
4. Where Is The One (3:44)
5. Valentine's Day (3:30)
6. Fear Of Flying (3:32)
7. I Don't Know (3:07)
8. What Shall We Do? [bonus track] (4:25)
9. Can't Stop Myself (4:25)
10. I Wish I Hadn't (3:59)
11. Something Good [bonus track] (3:20)
12. Sideways (4:10)
13. Lost My Way (3:54)
14. Waiting For This (5:10)
15. Whirler (2:50)
16. Told You So [bonus track] (2:50)
17. Something Good [bonus track] (3:20)
18. He Said She Said [bonus track] (3:17)
19. He's Justin Love [bonus track] (2:34)
Não se conseguiu descobrir a autoria das músicas.
Créditos:
Matt Hales: Lead Vocals, Piano, Organ
Ben Hales: Vocals, Guitar
Stephen Cousins: Bass, Vocals
Matt Vincent-Brown: Drums
(*) CD lançado originalmente em 1998.
Postagem

Resenha:
Conquanto o brit-pop, como gênero, tenha, basicamente, desaparecido no fim dos anos 90, algumas bandas novas ainda se destacaram, mesmo não conseguindo despertar muita atenção. Ruth é uma dessas bandas. Gravando singles desde 1992, o grupo encontrou grandes dificuldades para encontrar uma gravadora disposta a lançar o seu disco de estreia, "Harrison", que, infelizmente, ficou engavetado por anos até finalmente ser colocado à venda em 1999. Malgrado muitos dos seus singles, tais comos os hits "I Don't Know" e "Valentines Day", tenham surgidos até três anos antes, o álbum não soa datado ou esgotado. A energia e o entusiasmo da banda brilham intensamente; simplesmente parece que o grupo está se divertindo o tempo todo, algo que a maioria das bandas da cena britânica parece ter esquecido como fazer.

Ruth 3

Esse não é apenas um dos melhores lançamentos powerpop de 1999, mas um dos melhores discos de uma década inteira, lamentavelmente negligenciado. "Harrison" não é nada menos do que um bom powerpop; composto em acordes altos, cativante, refrãos grudentos e baladas candentes, esse lançamento foi, verdadeiramente, um dos melhores de 1999 (a versão importada japonesa incluiu duas faixas bônus -- "What Shall We Do?" e "Something Good" [nota minha: na realidade, a versão japonesa acrescentou 6 faixas bônus, chegando inclusive a dobrar a mesma versão de "Something Good", inexplicavelmente] --, que são adições absolutamente essenciais, ainda que o registro nipônico tenha baralhado um pouco a ordem das faixas) (Jason Damas, AllMusic; tradução livre do inglês).

quarta-feira, 11 de julho de 2012

Garotos da Rua - Hot 20 [Coletânea]

Capa
Banda: Garotos da Rua
Disco: Hot 20 [Coletânea]
Ano: 1999
Gênero: Rock Clássico, Rock Brasileiro
Faixas:
1. Tô de saco cheio (Bebeco Garcia, Carlos Caramez) 3:30
2. Meu coração não suporta mais (Bebeco Garcia) 4:33
3. Gurizada medonha (Bebeco Garcia, Carlos Caramez) 4:08
4. Eu já sei (Bebeco Garcia, Carlos Caramez) 4:32
5. Só pra te dar prazer (Bebeco Garcia, Ricardo Cordeiro) 3:42
6. Não basta dizer não (Bebeco Garcia, Justino Vasconcellos, Paulo Casarin) 3:56
7. Você é tudo que eu quero (Bebeco Garcia) 3:23
8. Sabe o que acontece comigo? (Bebeco Garcia, Carlos Caramez) 3:28
10. H. D. Blues (Bebeco Garcia, Justino Vasconcellos) 2:01
11. Não é você (Bebeco Garcia, Carlos Caramez) 3:58
12. Longe de você (Bebeco Garcia) 3:38
13. Escravos modernos (Bebeco Garcia, Carlos Caramez) 4:00
14. Sexta-feira (Bebeco Garcia, Carlos Caramez) 3:22
15. Volte a ser selvagem (Bebeco Garcia) 3:36
16. Abuso de paciência (Bebeco Garcia, Carlos Caramez) 3:23
17. Satélite do amor (Bebeco Garcia, Paulo Casarin) 4:31
18. Jogo Perigoso (Bebeco Garcia, Paulo Casarin) 3:38
19. Você não pode negar (Bebeco Garcia) 3:02
20. Babilina (Be-bop a Lula) (Vincent, Davis; Versão: Raul Seixas) 1:41
Créditos:
Bebeco Garcia: Vocal, Guitarra
Justino Vasconcellos: Guitarra
Geraldo Freitas: Baixo, Vocal
Ricardo Cordeiro: Sax, Vocal
Edinho Galhardi: Bateria, Ritmos
Participação especial:
Sandra de Sá: Vocal ("Escravos modernos")
Logo Design by FlamingText.com

Biografia:
A biografia da banda, que segue, foi retirada da sua página no MySpace.
1983 – 1990 Os Garotos da Rua, nome inspirado numa música de Carlos Caramez e Sérgio Mello, começaram em julho de 1983 em Porto Alegre. Tocaram como banda da casa no bar Rocket 88, reduto do rock 'n' roll na cidade. Seis meses mais tarde, o grupo faz sua primeira demo, SABE O QUE ACONTECE COMIGO? E iniciam uma série de shows em Porto Alegre e em mais 50 cidades do Rio Grande do Sul, proporcionando uma abertura no mercado musical para todas as demais bandas do Estado. Em 1985 lançaram, pela gravadora ACIT, seu primeiro compacto, PROGRAMA, e participaram do LP ROCK DE GARAGEM.

1

Apresentaram-se no festival MPG, que reúne 40.000 pessoas no Parque Marinha do Brasil em Porto Alegre. No mesmo ano são contratados pela gravadora RCA e tornam-se nacionalmente conhecidos com o hit TÔ DE SACO CHEIO (Lá em casa continuam os mesmos problemas), cujo sucesso os convence a se transferirem para o Rio de Janeiro. Empolgada a gravadora lança seu primeiro álbum GAROTOS DA RUA que foi um estouro nacional com músicas como: VOCÊ É TUDO O QUE EU QUERO, SABE O QUE ACONTECE COMIGO?, BABILINA e NÃO É VOCÊ. No ano seguinte lançam o disco Dr. EM ROCK 'N' ROLL, e a música EU JÁ SEI vira hit em todo o país, ao figurar a trilha da novela MANDALA DA REDE GLOBO e a banda é premiada com um DISCO DE OURO. Em 1988 os GAROTOS gravam o LP NÃO BASTA DIZER NÃO, consolidando-se ainda mais no mercado brasileiro.

2

Os destaques do disco são músicas como: MEU CORAÇÃO NÃO SUPORTA MAIS, HARLEY DAVIDSON BLUES e SÓ PRA TE DAR PRAZER. Apesar de todo o sucesso, os integrantes decidem parar com a banda e partirem para projetos individuais. 1996 – HOJE Em 1996, Justino Vasconcelos, que estava morando em Los Angeles, retorna ao Brasil e juntamente com King Jim resolvem reorganizar os GAROTOS DA RUA e seguir em frente. Lançam com a gravadora BMG uma coletânea de sucessos da banda chamada HOT 20 que vende só na região sul do país, cerca de 35.000 cópias. Agora os GAROTOS DA RUA lançam um novo CD, CAMINHO DA ESTRADA, com uma regravação de CANOS SILENCIOSOS do cantor Lobão e participação especial de Rafael Malenotti, dos Acústicos e Valvulados, na música NÃO DÁ MAIS PRA FICAR, já em execução nas principais rádios do sul do Brasil.
A Garotos da Rua também acha-se biografada, em português, na Wikipedia.

sexta-feira, 15 de junho de 2012

sábado, 9 de junho de 2012

Lou Reed - Berlin: em estúdio e ao vivo

Músico: Lou Reed
Gênero: Hard Rock, Classic Rock

 
Cover
Disco: Berlin
Ano: 1973(*)
Faixas:
1. Berlin (3:24)
2. Lady Day (3:39)
3. Men Of Good Fortune (4:39)
4. Caroline Says I (3:58)
5. How Do You Think It Feels (3:44)
6. Oh, Jim (5:11)
7. Caroline Says II (4:14)
8. The Kids (7:51)
9. The Bed (5:52)
10. Sad Song (6:58)
Músicas de autoria de Lou Reed.
Créditos:
Lou Reed: Vocals, Guitar, Choir
Steve Hunter: Guitar
Dick Wagner: Guitar, Background Vocals, Choir
Bob Ezrin: Piano, Mellotron
Steve Winwood: Organ, Harmonium
Jack Bruce: Bass (faixas 1, 3-7, 9, 10)
Aynsley Dunbar: Drums (faixas 1, 3-7, 9, 10)
Michael Brecker: Tenor Saxophone
Jon Pierson: Bass Trombone
Randy Brecker: Trumpet
Allan McMillan: Piano (faixa 1)
Gene Martynec: Bass (faixa 2), Guitar (faixa 9), Synthesizer (faixa 9)
B.J. Wilson: Drums (faixas 2, 8)
Blue Weaver: Piano (faixa 3)
Tony Levin: Bass (faixa 8)
Steve Hyden: Choir
Elizabeth March: Choir
Dennis Ferrante: Choir
(*) CD lançado em 1986.
Postagem

Cover 1
Disco: Berlin: Live At St. Ann's Warehouse
Ano: 2008(*)
Faixas:
1. Intro (1:51)
2. Berlin (2:34)
3. Lady Day (4:12)
4. Men Of Good Fortune (6:35)
5. Caroline Says I (4:31)
6. How Do You Think It Feels (5:37)
7. Oh, Jim (8:16)
8. Caroline Says II (4:33)
9. The Kids (8:08)
10. The Bed (5:59)
11. Sad Song (8:21)
12. Candy Says (6:04)
13. Rock Minuet (7:18)
14. Sweet Jane (5:31)
Músicas de autoria de Lou Reed.
Créditos:
Lou Reed: Lead Vocals, Guitar
Steve Hunter: Guitars
Fernando Saunders: Bass, Synthesizer, Guitar, Backing Vocals
Tony "Thunder" Smith: Drums, Backing Vocals
Rupert Christie: Keyboards, Backing Vocals
Rob Wasserman: Double Bass
Sharon Jones: Vocals
Antony Hegarty: Vocals
Steven Bernstein: Flugehorn, Trumpet
Curtis Fowlkes: Trombone
Paul Shapiro: Saxophone, Flute
Doug Wieselman: Bass Clarinet, Clarinet
David Gold: Viola
Eyvind Kang: Viola
Jane Scarpantoni: Cello
Brooklyn Youth Chorus: Choir
(*) Gravado ao vivo no St. Ann's Warehouse, Brooklyn, New York, durante 5 noites de dezembro de 2006.
Postagem
 
Biografia:

2

A biografia do músico já foi postada aqui, juntamente com o seu disco "Walk On The Wild Side: Recorded Live! New York 1972", de 2011.

segunda-feira, 14 de maio de 2012

Danava - Discografia básica

Banda: Danava
Gênero: Hard Rock, Space Rock, Progressive Rock

 
Cover
Disco: Danava [EP]
Ano: 2006
Faixas:
1. By The Mark (7:53)
2. Eyes In Disguise (12:56)
3. Quiet Babies Astray In A Manger (6:19)
4. Longdance (7:58)
5. Maudie Shook (9:54)
Não se conseguiu descobrir a autoria das músicas.   
Créditos:
Gregory Meleney (a.k.a. Dusty Sparkles): Vocals, Guitar, Keyboards, Synthesizers
Zachariah Dellorto Blackwell (a.k.a. Dell Blackwell): Bass Guitar
Monte Mattsson (a.k.a. Buck Rothy): Drums
Rockwell: Synthesizer
Logo Design by FlamingText.com

Cover
Disco: UnonoU
Ano: 2008
Faixas:
1. UnonoU (6:11)
2. Where Beauty & Terror Dance (4:13)
3. The Emerald Snow Of Sleep (7:53)
4. A High Or A Low (4:41)
5. Spinning Temple Shifting (9:52)
6. Down From A Cloud, Up From The Ground (8:41)
7. One Mind Gone Separate Ways (13:22)
Não se conseguiu descobrir a autoria das músicas.
Créditos:
Dusty Sparkles: Vocals, Guitars, Keyboards, Synthesizers
Dell Blackwell: Bass Guitar
Buck Rothy: Drums, Clarinet
Rockwell: Synthesizer
Matt Brown: Trumpet
Danny Bensi: Cello
Logo Design by FlamingText.com

Cover
Disco: Emisphere Of Shadows
Ano: 2011
Faixas:
1. Shoot Straight With A Crooked Gun (5:23)
2. White Nights Of Murder (4:46)
3. The Last Goodbye (4:26)
4. I Am The Skull (5:12)
5. Riding Hood (4:36)
6. The Illusion Crawls (5:15)
7. Hemisphere Of Shadows (6:09)
8. Dying Into Light (2:26)
Não se conseguiu descobrir a autoria das músicas.
Créditos:
Dusty Sparkles: Vocals, Guitar, Keyboards, Synthesizers
Dell Blackwell: Bass Guitar
Matt Oliver: Drums
Andrew Forgash: Guitar
Logo Design by FlamingText.com


Biografia:
Os sons clássicos do hard rock e do heavy metal dos anos 70 nunca saíram de moda (e é por isso que ganharam o rótulo de "clássicos"), mas apesar de cada geração subseqüente ter produzido bandas ansiosas em tocar, reciclar e reinterpretar esses ensinamentos atemporais, a duradoura tradição "retrô" ganhou uma legião especialmente grande e dedicada de fiéis na década de 2000.

7
Tanto é assim que, para cada banda influenciada pela previsível tríade inspiradora: Sabbath/Zeppelin/Aerosmith (vide Wolfmother, Witchcraft, The Sword, etc., etc.), há outras que procuram referências meio esquecidas para encontrarem fontes de inspiração muito menos óbvias, como, por exemplo, as viagens psicodélicas de ácido da Iron Butterfly, as aventuras espaciais da Hawkwind, o épico progressivo metal, carregado de sintetizadores, da Rush e mesmo um pouco de Black Sabbath, mas do período geralmente descartado do final dos anos 70, dos discos "Technical Ecstasy" e "Never Say Die!".

2
Essas múltiplas influências aplicam-se à Danava (pronuncia-se do-nuh-vuh), de Portland, Oregon, formada em 2003 por Dusty Sparkles (vocais, guitarra, sintetizador), antigo morador de Illinois, Buck Rothy (bateria) e Dell Blackwell (baixo), com o tecladista Rockwell integrado ao grupo a tempo para o lançamento do seu disco de estréia, de 2006, pela Kemado Records (Eduardo Rivadavia, AllMusic; tradução livre do inglês).

quinta-feira, 3 de maio de 2012

Lou Reed - Live In Italy

Cover
Músico: Lou Reed
Disco: Live In Italy
Ano: 1984(*)
Gênero: Hard Rock, Classic Rock
Faixas:
1. Sweet Jane (4:06)
2. I'm Waiting For My Man (3:49)
3. Martial Law (4:11)
4. Satellite Of Love (6:46)
5. Kill Your Sons (5:45)
6. Betrayed (3:06)
7. Sally Can't Dance (3:33)
8. Waves Of Fear (3:18)
9. Average Guy (2:47)
10. White Light/White Heat (3:22)
11. Some Kinda Love/Sister Ray (15:32)
12. Walk On The Wild Side (4:33)
13. Heroin (8:29)
14. Rock And Roll (6:03)
Músicas de autoria de Lou Reed.
Créditos:
Lou Reed: Vocals, Guitar
Robert Quine: Guitar
Fernando Saunders: Bass
Fred Maher: Drums
(*) CD lançado em 2005.
Postagem

Biografia:

3

A biografia do músico já foi postada aqui, juntamente com o seu disco "Walk On The Wild Side: Recorded Live! New York 1972", de 2011.

sexta-feira, 27 de abril de 2012

The Tomorrows - Jupiter Optimus Maximus

Banda: The Tomorrows
Disco: Jupiter Optimus Maximus
Ano: 2009
Gênero: Powerpop
Faixas:
1. Effortless Lee (Fletcher, Reimer, Stewart) 5:00
2. Love Is Dead (Fletcher, Stewart) 3:09
3. Ballad Of A Lesser Man (Fletcher, Stewart) 4:26
4. Jupiter Optimus Maximus (Fletcher, Stewart) 4:51
5. Don't Worry About Me (Fletcher, Reimer, Stewart)
3:53
6. Such A Shame (Fletcher, Reimer, Stewart) 3:44
7. Pity Her (Fletcher, Stewart) 2:51
8. There's Something Wrong (Buckley, Fletcher, Kern, Stewart) 3:37
9. Anime (Fletcher, Stewart) 3:09
10. Goodbye (Fletcher, Reimer, Stewart) 3:10
11. Remember (Fletcher, Stewart) 6:08
Créditos:
Marc Stewart: Lead Vocals, Guitar
Scott Fletcher: Lead Vocals, Lead Guitar
Tony Kerr: Bass Guitars, Vocals, Bass Pedals
Adrian Buckley: Drums, Percussion, Backing Vocals
http://tinyurl.com/nn6m7og

Biografia:
Ramificada no paraíso verdejante que é Vancouver, British Columbia, Canadá, a Tomorrows é Marc Stewart, Scott Fletcher, Tony Kerr e Adrian Buckley.


Usando ferramentas e técnicas do passado e casando isso com sua habilidade, inventividade e emoção, esses quatro senhores estão criando um som moderno. Espere vôos melódicos e viagens espaciais extravagantes, unidos para pulsarem com força no sistema engendrado pela Tomorrows para criar a trilha sonora do momento (Cd Baby; tradução livre do inglês).

segunda-feira, 23 de abril de 2012

Turma da Pompéia - Discografia básica

Banda: Turma da Pompéia
Gênero: Rock Brasileiro

 
Capa
Disco: Turma da Pompéia
Ano: 2003
Faixas:
1. A Velha Nova Transação (Tibério, Marinho) 3:34
2. Cigano Errante (Bororó) 4:07
3. Meu Barato É Som (Ado, Bororó, Kiko) 3:49
4. Pompéia Liverpool Brasileira (Bitou, Marinho) 3:42
5. Na Estrada (On The Road) (Bitou, Marinho) 3:26
6. Adolescente De Trinta (Tibério, Marinho) 3:08
7. Naquele Tempo (Bitou, Marinho) 3:32
8. Mete A Cara Na Estrada (Bororó) 4:22
9. O Genioso (Bororó) 3:48
10. Beijo Muito Louco II (Sérgio Dias) 4:25
11. Faça Alguma Coisa Pelo Rock 'N' Roll (Bororó, Sérgio Dias, Marinho, Bitou) 4:56
12. O Bororó É Demais (Sérgio Dias, Oswaldo Vechione) 4:22
Créditos:
Franklin: Batera (faixas 1, 2, 3, 5, 7)
Ruffino: Baixo (faixas 1, 2, 3), Vocais (faixas 8, 9, 11)
Théo Godinho: Guitarra (faixa 1)
Marinho: Violão (faixas 1, 2, 4, 5, 6), Voz (faixas 1, 2, 3, 4, 5, 6, 7, 8, 9, 10), Vocais (faixas 1, 11, 12)
Roni: Piano (faixas 1, 9, 10, 11), Teclados (faixas 2, 3, 5, 6, 7), Órgão (faixas 4, 9)
Felipe Rocha: Gaita (faixas 1, 3), Vocais (faixa 3)
Juliano: Vocais (faixas 1, 2, 3, 7), Guitarra Base (faixas 2, 10)
Bororó: Vocais (faixas 1, 2, 3, 7, 8, 9, 11)
Sérgio Dias: Guitarra (faixas 2, 4, 9, 10, 11), Midi Program (faixa 4), Vocais (faixas 4, 10, 11, 12), Baixo (faixas 8, 10, 11), Órgão (faixas 8, 10, 11), Cítara (faixa 9), Violão (faixas 9, 11), Voz (faixas 9, 10), Violão 12 (faixa 12)
Flavio Gutok: Guitarra (faixas 3, 7), Violão (faixas 3, 7), Vocais (faixa 6)
Lee Marcucci: Guitarra Base (faixa 3), Baixo (faixa 6)
Tiago Rabello: Batera (faixas 4, 6, 8, 9, 10, 11)
Nenê Benvenutti: Baixo (faixas 4, 5, 9)
Beto Martins: Guitarra Base (faixa 4), Slide (faixa 8)
Ruria Duprat: Piano (faixas 4, 8)
Mozart Mello: Guitarra (faixa 5)
Wander Taffo: Guitarra (faixa 6)
Zezé: Vocais (faixa 6)
Sandro Manito: Vocais (faixa 6)
Oswaldo Malagutti Jr.: Baixo (faixa 7)
Adair Torres: Pedal Steel (faixa 7)
Manito: Metais (faixas 8, 11)
Bangla: Metais (faixas 8, 11)
Pompéia's Hot Nipple Brass Blues Band: Metais (faixa 10)
Celso Vechione: Guitarra Base (faixa 11), Baixo (faixa 12)
Oswaldo Vechione: Gaita (faixa 11), Vocais (faixas 11, 12), Violão (faixa 12)
Postagem

Capa
Disco: Nossa Raiz
Ano: 2007
Faixas:
1. Ainda Há Muito Que Lutar (3:32)
2. Baby I Love You (3:47)
3. Jou Jou (2:35)
4. Pompéia Liverpool Brasileira (2:58)
5. Deslize Miss Lize (2:53)
6. Nossa Raiz (2:56)
7. O Quadro (5:25)
8. Paramont (3:52)
9. Pássaros Azuis (3:10)
10. Surf Boy (3:39)
11. A Tradição (2:38)
Músicas de autoria de Sérgio Beatle e Marinho, salvo "Ainda Há Muito Que Lutar", composta por Bororó.
Créditos:
Franklin Paolillo: Bateria (faixas 1, 2, 3, 4, 5, 6, 7, 8, 9, 11)
Marinho: Violão (faixas 1, 2, 3, 4, 7, 8, 10), Voz (faixas 1, 2, 3, 4, 5, 6, 7, 8, 9, 11), Vocais (faixas 2, 10)
Roni: Piano (faixas 1, 2, 4, 6), Órgão (faixa 4), Teclados (faixa 8)
Célia Carvalho: Baixo (faixas 1, 2, 3, 4, 6, 7)
Zezé: Vocais (faixas 1, 2, 4, 9, 10), Voz (faixa 10)
Ninito Fernandez: Vocais (faixas 1, 2, 4, 9)
Rafael Fernandez: Vocais (faixas 1, 2, 4), Voz (faixa 2)
Babalú: Guitarra (faixa 2)
Sérgio Gorini: Guitarra (faixa 3)
Kera: Percussão (faixa 3)
Lincoln Baraccat: Guitarra Base (faixa 5)
Silvio Izy: Guitarra Solo (faixa 5), Baixo (faixa 5)
Sérgio Beatle: Piano (faixa 5)
Manito: Sax Alto (faixa 6)
Jairzinho: Sax Alto (faixa 6)
Geraldo de Oliveira: Percussão (faixa 6)
André Cristóvam: Guitarra (faixa 7)
Bruno Bething: Guitarra (faixas 8), Violão Solo (faixa 10)
Oswaldo Malaguti Jr.: Baixo (faixa 8)
Leandro B. Oliveira: Baixo (faixa 9)
Duda: Teclados (faixa 9)
Missali: Trompete (faixa 11)
Alexandre Hage Gonçalves: Piano (faixa 11)
Tony Robson: Banjo (faixa 11)
Postagem


Biografia:
Um pouco da história da Turma da Pompéia é contado na entrevista que Marinho (coadjuvado por Sérgio Beatle), um dos idealizadores do projeto, concedeu a Rubinho Vitti para o site Música & Letra, em 24 de junho de 2007, adiante reproduzida na íntegra.

01

"Eles reviveram novamente a história de suas vidas musicais. São compositores, instrumentistas, produtores e um grande grupo de amigos que formam a Turma da Pompéia. No novo CD, Nossa Raiz, eles resgatam as ruas por onde passaram a juventude roqueira, ao lado de companheiros que não esquecem jamais as histórias daquele bairro.
Sérgio Beatle e Marinho, os "velhos roqueiros moleques", como eles mesmos se identificam, compuseram as letras de todas as faixas do disco pensando nas alegrias e dificuldades que sentiram — e sentem até hoje — ao buscar os seus sonhos. A exceção é a primeira faixa, Ainda há muito que Lutar, composta pelo parceiro Bororó. Todo o CD foi dedicado ao produtor musical e arranjador Nilton Mariano, ao saxofonista Manito — a lenda viva da música nacional — e a Missali, "por tantos anos dedicados aos novos talentos da música e da Pompéia".

02
"O idealizador do grupo, vocalista e violonista Marinho, conta nesta entrevista como foi feito este novo trabalho da Turma, preservando a cultura e o talento de quem não esquece suas raízes.
"Música e Letra: A proposta do CD anterior (Turma da Pompéia, lançado em 2004) era reviver um pouco as coisas que o bairro já passou, em termos musicais até de atitudes das décadas passadas. Essa nostalgia permanece no Nossa Raiz?
"Marinho: Quando me encontrei com o Nilton Mariano, a quem não via a mais de 30 anos, eu nem sabia o que estava por vir. Sei que na nossa adolescência de Pompéia ele tocava muita guitarra no Nick James (banda da época) e agora está tocando vários instrumentos, e também é um bom produtor musical. Foi aí que eu me toquei e o convidei para me ajudar a produzir o novo trabalho da Turma. Ele aceitou, e com a ajuda dos compositores da Turma — Sergio Beatle, Bororó, Oswaldo Malaguti Jr. (Studios Mosh), Silvinho (Mic Som) e todos os músicos que participaram, com a Turma nova, sem esquecer a nossa raiz.

03

"M&L: O Rock 'n' Roll é basicamente claro neste novo trabalho. Porém ele se diferencia do modelo atual e, ao mesmo tempo, soa nostálgico. Como compor algo que não soe piegas?
"Marinho: Esta pergunta eu deixo para o meu amigo e parceiro Sergio Beatle responder:
"Sergio Beatle: Como se sabe, a história não é feita apenas por algumas pessoas privilegiadas, de classes mais ricas, políticas ou de pessoas que aparecem demais na mídia. Todos nós somos agentes dinâmicos da história. A Turma da Pompéia, tendo um veículo que é universal à mão — ou seja, a linguagem musical — através dele procura retratar a nossa história no bairro, o que nos influenciou, o que vivemos. E como iríamos ter o registro de como tudo isso era? Sendo diferente e nostálgico!
Usamos a memória sem ferir a verdade, sem perder o censo do ridículo.

04
"M&L: Quem é a Turma que a Pompéia abraça hoje? A Liverpool brasileira vai continuar sempre nas mãos de músicos?
"Marinho: A Turma da Pompéia é muito grande. O bairro cresceu muito musicalmente e vai estar sempre se renovando. Acredito que o Centro Cultural Pompéia (com direção de Cleber Falcão) tenha uma forte participação para que isso acontecesse com a sua caminhada de 20 anos de existência, sempre teremos músicos novos surgindo.
Desde o começo batalhamos muito por liberdade. Apesar dos mais velhos nos chamarem de cabeludos irresponsáveis, continuávamos em frente: guitarra na mão e a cabeça cheia de sonhos, lutando por nossos ideais. A Pompéia Liverpool brasileira deve ficar nas mãos dos músicos. Ontem, hoje e sempre.
"M&L: Paralelamente ao trabalho musical existe uma revista sobre o bairro e seus artistas. Como é esse projeto?
"Marinho: A revista é um trabalho paralelo que eu já tinha como sonho quando falei com Sérgio Beatle. Ele foi o primeiro a achar legal. As coisas foram acontecendo naturalmente. Estava montado o time. Todos os músicos gostaram da idéia, que contássemos um pouco mais de nossa história, nossa trajetória nesses anos todos. Está aí o sonho em realidade. Estamos na quarta edição, graças a Deus e ao esforço de todos.

sexta-feira, 16 de março de 2012

Marcelo Nova e o Camisa De Vênus - Tijolo Na Vidraça

Capa
Banda: Marcelo Nova e o Camisa De Vênus
Disco: Tijolo Na Vidraça
Ano: 2001
Gênero: Rock And Roll
Faixas:
Disco 1
1. Controle Total (Gustavo Mullen, Marcelo Nova) 3:35
2. Bete Morreu (Robério Santana, Marcelo Nova) 1:49
3. Eu Não Matei Joana D' Arc (Gustavo Mullen, Marcelo Nova) 3:44
4. Rosto E Aeroportos (Gustavo Mullen, Marcelo Nova) 3:52
5. O Adventista (Marcelo Nova, Franz Hummel) 5:40
6. A Ferro E Fogo (Karl Hummel, Gustavo Mullen, Marcelo Nova) 7:21
7. Muita Estrela, Pouca Constelação (Raul Seixas, Marcelo Nova) 4:29
8. Algum Lugar (Marcelo Nova) 4:37
9. Quando Eu Morri (Marcelo Nova) 4:25
10. Muito Além Do Jardim (Marcelo Nova) 4:05
11. Estranho No Ninho (Marcelo Nova) 3:26
12. Correndo Sem Parar (Marcelo Nova, Franz Hummel) 4:39
13. O Ponteiro Tá Subindo (Marcelo Nova) 4:10
14. Check Up (Raul Seixas) 2:35
15. When The Levee Breaks (Memphis Minnie, Bonham, Jones, Page, Plant) 4:06
16. Ainda Não Está Escuro (Not Dark Yet) (Bob Dylan, versão: Marcelo Nova) 5:50
17. Love Me Two Times (Manzarek, Densmore, Morrison, Krieger) 3:39
Disco 2
18. Meu Primo Zé (Marcelo Nova, Franz Hummel) 2:54
19. Gotham City (Macalé, Capinan) 3:31
20. Silvia (Robério Santana, Gustavo Mullen, Marcelo Nova) 5:13
21. Simca Chambord (Karl Hummel, Gustavo Mullen, Marcelo Nova, M. Cordeiro) 4:03
22. Só O Fim (Karl Hummel, Gustavo Mullen, Marcelo Nova) 4:29
23. Enigma (Adelino Moreira) 3:29
24. Ela Saiu Um Dia (Marcelo Nova) 4:23
25. Carpinteiro Do Universo (Raul Seixas, Marcelo Nova) 4:34
26. Fogo Do Inferno (Marcelo Nova) 3:14
27. Coração Satânico (Marcelo Nova) 3:25
28. Eu Vi O Futuro (Robério Santana, Marcelo Nova) 4:27
29. Don't Let Me Be Misunderstood (Marcus, G. Caldwell, B. Benjamin) 5:56
30. Noite (Marcelo Nova) 4:37
31. Não Sei O Que Fazer (Marcelo Nova) 3:44
32. Noite E Dia (2001) (Karl Hummel, Marcelo Nova) 4:06
33. Passatempo (Gustavo Mullen, Marcelo Nova) 8:05
34. Bomba Relógio Ambulante (Marcelo Nova) 3:13
Disco 3
35. My Way (Thibault, Paul Anka, C. François, J. Revaux, versão: Marcelo Nova) 5:32
36. Deus Me Dê Grana (Karl Hummel, Gustavo Mullen, Marcelo Nova) 4:07
37. Rock'n'roll (Raul Seixas, Marcelo Nova) 5:20
38. Robocop (Marcelo Nova) 5:35
39. O Mal Que Habita Em Mim (Robério Santana, Marcelo Nova) 5:17
40. A Garota Da Motocicleta (Marcelo Nova) 4:31
41. Faça A Coisa Certa (Marcelo Nova) 4:56
42. Cocaína (Marcelo Nova) 3:31
43. One More Cup Of Coffee (Bob Dylan) 4:03
44. Eu Não Matei Joana D' Arc [Versão Acústica] (Gustavo Mullen, Marcelo Nova) 4:00
45. O Que Você Quer (André Christovam, Marcelo Nova) 5:26
46. Não Fosse O Cabral (Slipin' And Slidin') (Penniman, Collins, Smith, Bocage, versão: Raul Seixas) 2:09
47. I Fought The Law (Curtis) 2:12
48. Um Lugar Para Deus (Johnny Boy, Marcelo Nova) 5:05
49. Quando Eu Morri [Versão Longa] (Marcelo Nova) 10:40
Créditos:
Marcelo Nova: Vocal, Guitarra (faixas 8, 9, 16, 17, 24, 30, 32, 33, 34, 40, 41, 42, 43, 45, 46, 48, 49), Violão (faixas 10, 11, 14, 15, 26, 27, 38, 44)
Robério Santana: Contrabaixo
Karl Hummer: Guitarra
Gustavo Mullem: Guitarra
Aldo Machado: Bateria
Manito: Saxofone (faixas 7, 21)
Raul Seixas: Vocal (faixas 7, 25, 37)
Johnny Boy: Órgão (faixas 8, 9, 16, 17, 24, 31, 32, 33, 34, 41, 42, 43, 45, 46, 48, 49), Piano (faixas 10, 13, 16, 17, 25, 26, 32, 33, 34, 37, 38, 41, 42, 43, 45, 46, 47, 48, 49), Violão (faixas 10, 14, 15, 16, 17, 26, 30, 31, 32, 33, 34, 38, 40, 41, 42, 43, 45, 46, 47, 48, 49), Gaita (faixas 10, 26, 38), Acordeon (faixas 10, 26, 38), Dobro (faixas 10, 26, 38), Guitarra (faixas 15, 16, 17, 30, 32, 33, 34, 40, 41, 42, 43, 45, 46, 48, 49), Contrabaixo (faixas 30, 31, 40), Bateria (faixas 30, 40), Percussão (faixa 31)
André Christovan: Violão (faixas 8, 9, 10, 24, 25, 26, 38), Guitarra Solo (faixa 37), Dobro (faixas 10, 26, 38), Mandolim (faixas 10, 26, 38)
Naldinho Feliciano: Contrabaixo (faixas 8, 24)
James Muller: Bateria (faixas 8, 24), Percussão (faixas 8, 24)
Carlos Calasans: Contrabaixo (faixas 9, 10, 11, 15, 25, 26, 27, 31, 37, 38), Piano (faixa 12), Órgão Hammond (faixas 28, 29, 39)
Franklin Paolillo: Bateria (faixas 10, 11, 12, 13, 25, 26, 27, 28, 29, 37, 38, 39)
Luís Carvalho: Violão (faixa 25)
Rick Ferreira: Guitarra Solo (faixa 25), Pedal Steel (faixa 25)
Kris: Backing Vocals (faixa 37)
Maria Eugênia: Backing Vocals (faixa 37)
Fátima: Backing Vocals (faixa 37)
Luís Carlini: Guitarra (faixas 11, 12, 13, 27, 28, 29, 39), Violão (faixa 29)
Eric Burdon: Vocal (faixa 29)
Andréa Salinas: Cordas (faixa 28)
Maria Brucoli: Cordas (faixa 28)
Adriana Pace: Cordas (faixa 28)
Ayrton Pindo: Cordas (faixa 28)
Hélio Costa Manso: Backing Vocals (faixa 47)
Luís Stopa: Contrabaixo (faixas 16, 17, 32, 33, 34, 41, 42, 43, 45, 46, 48, 49)
Denis Mendes: Bateria (faixas 16, 17, 32, 33, 34, 41, 42, 43, 45, 46, 48, 49)
http://tinyurl.com/ojzlzpc

Biografia:

A biografia de Marcelo Nova já foi postada aqui, juntamente com o disco "Grampeado Em Público (Volumes 1 e 2)", de 1999.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...