terça-feira, 31 de julho de 2018

The Jayhawks - The Jayhawks

Banda: The Jayhawks
Disco: The Jayhawks
Ano: 1986(*)
Gênero: Alternative Country, Americana, Roots Rock
Faixas:
1. Falling Star (Olson, Louris) 4:01
2. Tried And True (Olson, Louris) 2:25
3. Let The Critics Wonder (Olson) 2:31
4. Let The Last Night Be The Longest (Lonesome Memory) (Olson, Louris) 2:53
5. Behind Bars (Olson) 2:40
6. Cherry Pie (Olson) 2:04
7. The Liquor Store Came First (Olson) 3:00
8. People In This Place On Every Side (Olson) 2:25
9. Misery Tavern (Olson) 3:02
10. (I'm Not In) Prison (Olson) 2:15
11. King Of Kings (Olson) 4:05
12. Good Long Time (Olson) 3:19
13. Six Pack On The Dashboard (Olson) 3:12
Créditos:
Mark Olson: Lead Vocals, Guitar
Gary Louris: Electric Guitars, Vocals
Marc Perlman: Bass
Norm Rogers: Drums
Músicos adicionais:
Cal Hand: Pedal Steel Guitar
Charlie Pine: Piano (faixa 11)
(*) CD lançado em 2010.

Biografia:
George Drakoulias, produtor da Def American Records, descobriu a Jayhawks em Minneapolis, Minnesota, EUA, depois da banda ter lançado dois discos mornos. Reza a lenda que Drakoulias telefonou para Dave Ayers, da Twin/Tone Records e, ao ouvir uma coleção de demos do grupo durante a conversa, contratou-o.
Desde 1985, quando foi formada, até se transferir para a eclética gravadora de Rick Rubin, a Jayhawks havia vendido aproximadamente 10.000 discos. Seu lineup, quando lançou o primeiro álbum, homônimo, em 1986, incluía Mark Olson (nascido no dia 18 de setembro de 1961, em Minneapolis, Minnesota, EUA; vocais e guitarra), Gary Louris (nascido no dia 10 de março de 1955, em Toledo, Ohio, EUA; vocais e guitarra), Marc Perlman (baixo) e Norm Rogers (bateria). Rogers posteriormente cedeu seu lugar para Thad Spencer, mas a banda fez uma pausa após Louris se envolver num acidente automobilístico quase fatal em outubro de 1988. Enquanto isso, a gravadora Twin/Tone decidiu remixar várias demos da banda e agrupá-las no disco "Blue Earth", de 1989.
Após o fortuito telefonema de Drakoulias, a banda debutou na Def American com o novo baterista, Ken Callahan. Músicas como "Waiting For The Sun", faixa de abertura de "Hollywood Town Hall", de 1992, renderam comparações com a Black Crowes (outra descoberta de Drakoulias), porquanto revestidas da rusticidade típica do country rock e do blues bodegueiro. A banda, por sua vez, citou Flying Burrito Brothers e Charlie e Ira Louvin, da dupla Louvin Brothers, como suas principais influências. A tecladista Karen Grotberg uniu-se ao grupo, mas o rodízio de bateristas continuou: Don Heffington tocou o instrumento na gravação de "Tomorrow The Green Grass", porém nas turnês dedicadas à divulgação do álbum, Tim O'Reagan assumiu as baquetas. O disco continha "Miss Williams' Guitar" (homenagem à Victoria Williams, esposa de Mark Olson) e a primorosa "Blue". O som era simples e direto, tradicional, mas nunca mal-acabado.
Olson deixou a banda em 1996 e passou a gravar com o grupo Original Harmony Ridge Creek Dippers. Louris então se tornou o principal compositor da Jayhawks. O superlativo "Sound Of Lies" mostrou-se profundo e muitas vezes triste, sendo que a maioria das canções versava sobre o término do casamento de Louris. As semelhanças apontadas entre as canções "The Calvary Cross", de Richard Thompson, e "Stick In The Mud", do álbum da Jayhawks, não passaram de mera coincidência. Já "Big Star" mostrou-se uma grande canção, como há tempo não se via. Jen Gunderman substituiu Grotberg pouco antes do lançamento de "Smile", que apresentou uma coleção de músicas pop voltadas para a programação radiofônica, marcando o ingresso da banda na Columbia Records. Depois houve a transferência para a gravadora Lost Highway, que editou, em 2003, "Rainy Day Music", o sétimo álbum da banda. Louris reencontrou-se com seu ex-colega Mark Olson no começo de 2005 para uma série de concertos. Na ocasião, aproveitou a oportunidade para anunciar a dissolução da Jayhawks (nota minha: a banda retornou mais tarde, inclusive com Mark Olson durante um breve período, e emitiu mais três discos de estúdio com material inédito) (The Encyclopedia Of Popular Music. Compiled and edited by Colin Larkin. New York: Omnibus Press, 2007, p. 747; tradução livre do inglês).

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...