quarta-feira, 31 de maio de 2017

The Men - The Men

Banda: The Men
Disco: The Men
Ano: 2002
Gênero: Alternative Rock, Garage Rock, Pub Rock, R&B
Faixas:
1. Dancing Little Thing (Hank Ballard) 2:12
2. What Kind Of Girl Are You (Ray Charles) 2:58
3. Out On The Floor (Fred Darian, Al DeLory) 2:39
4. Baby, Don't You Do It (Brian Holland, Lamont Dozier, Eddie Holland) 2:38
5. Got Love If You Want It (Slim Harpo) 3:07
6. Cool Jerk (Donald Storball) 1:59
7. The Whippersnapper (Denise Craig, Billy Emerson) 2:15
8. Please, Please, Please (James Brown, Johnny Terry) 3:16
9. The Memphis Train (Rufus Thomas, Bonny Rice, Willie Sparks) 2:28
10. I Don't Need No Doctor (Nickolas Ashford, Valerie Simpson, Josephine Armstead) 2:24
11. Mohair Sam (Dallas Frazier) 1:55
12. Leaving Here (Brian Holland, Lamont Dozier, Eddie Holland) 3:03
Créditos:
Sven Köhler: Lead Vocals, Harmonica
Olof Wallberg: Lead Guitar, Vocals
Ola Främby: Bass Guitar, Vocals
Niklas Kilenstam: Drums

Biografia:
A biografia da banda, que segue, em versão livre do inglês, foi retirada do seu site.
A Men, de Lund, Suécia, é um pequeno "supergrupo", constituído por membros de quatros bandas suecas anteriormente estabelecidas: Sinners, Girls, Expression e Colubrids. Eles se reuniram no início de 2000 para formar uma insuperável performer band, arrebatadora, refinada, energética, cheia de balanço, estilosa e divertida (sem shoegazers!) – uma banda que os seus próprios integrantes adorariam assistir. Seu lineup: Sven Köhler (vocais, voz principal e harmônica), Ola Främby (baixo e vocais de apoio), Olof Wallberg (guitarra e vocais de apoio) e Mattias Pedersen (bateria e percussão).
A ideia básica era montar um harmonioso grupo guitarreiro para realizar incendiárias interpretações de rock garagem movido a riffs, soul moderno e R&B sessentista. Canções curtas, vocais afiados e potência total! O tipo de música que dá vontade de mexer as pernas, segundo Sven. Pandeiros e palmas juntam-se a guitarras frenéticas, baixo pulsante e bateria que não se presta apenas a marcar o ritmo. E de vez em quando uma harmônica duela com os vocais de Sven para saber quem soa mais alto. A Men é irresistivelmente boa, com seu rock cru e despojado, exatamente como o rock era quando começou. 
O primeiro disco, com canções um tanto obscuras de soul e R&B, foi lançado na Suécia, Reino Unido e Austrália, despertando bastante atenção. Na primavera de 2004, o cantor Sven, o baixista Ola e o empresário Joakim começaram a escrever as músicas do segundo álbum. Eles compunham separadamente em suas antigas bandas, mas agora faziam parte de uma equipe vencedora.
Quando chegou a hora de gravar, veio o convite de Christoffer Lundquist, um dos produtores mais populares da Suécia, para o grupo usar seu estúdio, em Vallarum, Scania. Daí resultaram os discos "Return", em 2006, e "Four Good Men And True", em 2010, e o interesse na banda cresceu no mundo inteiro, gerando ofertas de shows na Espanha, França, Reino Unido, Irlanda, Alemanha, Estados Unidos e Austrália.
No lançamento de "Return', a Men participou ao vivo do programa Nyhetsmorgon, da TV4, e a televisão sueca transmitiu um documentário no qual Sven e Olof dirigiam motonetas Vespa no Lundagård Park. Em dezembro de 2007, o grupo realizou uma fabulosa performance no festival internacional Purple Weekend, em Leon, Espanha. Depois disso, assinou com a LoveCat Music, de Nova Iorque, que, desde então, colocou várias canções originais da banda em séries populares de TV. Em 2010, a banda comemorou seu 10° aniversário com o lançamento de "Four Good Men And True" e uma turnê na Alemanha; em 2011 excursionou pela Austrália, retornando à Espanha em 2012.
De volta à Suécia, a Men começou a gravar seu quarto disco no YLA Studios, situado no centro de Malmö. "This Way" saiu em 2013. Viajando pelo Reino Unido (trens, ônibus e vôos cancelados), o grupo gravou ao vivo, no Cavern Club, um vibrante EP de quatro faixas, participando ainda de um documentário sobre as apresentações naquele local, em janeiro de 2016.
Após um show fantástico no Kulturnatten, em Lund, sua cidade natal, no mês de setembro de 2016, o baterista Niklas, inesperadamente, decidiu deixar o grupo. Mas a Men seguiu em frente e principiou a gravar seu quinto álbum no YLA Studios, com lançamento previsto para o dia 1° de abril de 2017. Bancado por fãs e amigos.

Nenhum comentário:

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...