sexta-feira, 24 de fevereiro de 2017

Wolfmother - Discografia básica

Banda: Wolfmother
Gênero: Hard Rock, Stoner Rock


Disco: Wolfmother (10th Anniversary Deluxe Edition)
Ano: 2015(*)
Faixas:
CD 1: Original Album
1. Dimension (4:21)
2. White Unicorn (5:04)
3. Woman (2:56)
4. Where Eagles Have Been (5:34)
5. Apple Tree (3:30)
6. Joker & The Thief (4:40)
7. Colossal (5:04)
8. Mind's Eye (4:54)
9. Pyramid (4:29)
10. Witchcraft (3:25)
11. Tales From The Forest Of Gnomes (3:39)
12. Love Train (3:03)
13. Vagabond (3:51)
Bonus B-Sides
14. The Earth's Rotation Around The Sun (2:47)
15. Vagabond [Acoustic Version] (2:40)
16. Joker & The Thief [Loving Hands Remix] (9:18)
17. Woman [MSTRKRFT Remix] (3:30)
18. Love Train [Chicken Lips Malfunction Remix] (5:45)
CD 2: Demos, B-Sides & Live
1. Dimension [Demo] (4:16)
2. White Unicorn [Demo] (8:15)
3. Woman [Early Days] [Demo] (2:17)
4. Apple Tree [Demo] (3:26)
5. Not Goin' Home [Joker & The Thief] [Demo] (4:45)
6. Colossal [Demo] (5:25)
7. Pyramid [Early Jam] [Demo] (4:50)
8. Witchcraft [Rehearsal Room] [Demo] (4:01)
9. Love Train [Rehearsal Room] [Demo] (2:36)
10. Vagabond [Rehearsal Room] [Demo] (3:09)
11. Woman [Live At Triple J] (4:15)
12. Tales From The Forest Of Gnomes [Live At Triple J] (3:48)
13. Mind's Eye [Live At Triple J] (5:53)
14. Dimension [Live At Big Day Out] (6:14)
15. Where Eagles Have Been [Live From Lollapalooza] (6:04)
Músicas de autoria da banda.
Créditos:
Andrew Stockdale: Vocals, Guitar, Keys (CD 2, faixa 3)
Chris Ross: Bass, Keyboards, Drums (CD 2, faixa 3), Wah-Wah Solo (CD 2, faixa 3)
Myles Heskett: Drums
Músicos adicionais:
D. Sardy: Percussion (CD 1, faixas 4, 7, 13)
Lenny Castro: Percussion (CD 1, faixas 10, 12)
Dan Higgins: Flute (CD 1, faixa 10)
(*) CD lançado originalmente em 2005.

Disco: Please Experience Wolfmother Live [DVDRIP]
Ano: 2007
Faixas:
Live At The Hordern, Sydney, Australia, 2006
1. Dimension (7:32)
2. Pyramid (4:34)
3. Apple Tree (3:46)
4. White Unicorn (10:43)
5. Love Train (3:13)
6. Witchcraft (4:39)
7. Tales (4:19)
8. Woman (3:08)
9. Mind's Eye (11:47)
10. Vagabond (3:35)
11. Colossal (7:14)
12. Joker & The Thief (6:32)
Live At The Aria Awards Ceremony, Sydney, Australia, 2006
13. Joker & The Thief (4:14)
Live At Brixton Academy, London, UK, 2006
14. Dimension (6:18)
15. Love Train (3:04)
Músicas de autoria da banda.
Créditos:
Andrew Stockdale: Vocals, Guitar
Chris Ross: Bass, Organ
Myles Heskett: Drums
Gustav Ejstes: Flute (faixa 6)

Disco: Cosmic Egg [Bonus Tracks]
Ano: 2009
Faixas:
1. California Queen (3:55)
2. New Moon Rising (3:46)
3. White Feather (3:05)
4. Sundial (3:48)
5. In the Morning (5:40)
6. 10,000 Feet (4:10)
7. Cosmic Egg (4:05)
8. Far Away (4:01)
9. Pilgrim (4:49)
10. In The Castle (5:45)
11. Phoenix (4:46)
12. Violence of the Sun (6:02)
13. Cosmonaut [Bonus Track] (4:48)
14. Eyes Open [Bonus Track] (5:12)
15. Back Round [Bonus Track] (3:57)
16. Caroline [Bonus Track] (4:30)
17. Don't Let It Bring You Down [Bonus Track] (3:01)
18. Sundial [Acoustic] [Bonus Track] (3:53)
19. If 6 Was 9 [Bonus Track] (7:34)
Músicas de autoria de Andrew Stockdale, exceto "Don't Let It Bring You Down", composta por Neil Young, e "If 6 Was 9", composta por Jimi Hendrix.
Créditos:
Andrew Stockdale: Lead Vocals, Lead Guitar
Ian Peres: Bass Guitar, Keyboards
Dave Atkins: Drums, Strings ("10,000 Feet")
Aidan Nemeth: Rhythm Guitar
Ben Tolliday: Additional Bass ("Back Round")
Kenny Segal: Strings ("10,000 Feet")

Disco: iTunes Live From Sydney
Ano: 2010
Faixas:
1. Dimension (Wolfmother) 5:45
2. Cosmic Egg (Stockdale) 4:19
3. Woman (Wolfmother) 3:59
4. Pilgrim (Stockdale) 5:22
5. Joker & The Thief (Wolfmother) 5:36
Créditos:
Andrew Stockdale: Vocals, Lead Guitar
Ian Peres: Bass, Keyboards
Aidan Nemeth: Rhythm Guitar
Dave Atkins: Drums
Gravado ao vivo na loja da Apple em Sydney, Austrália, no dia 19 de fevereiro de 2010.

Disco: New Crown
Ano: 2014
Faixas:
1. How Many Times (2:40)
2. Enemy Is In Your Mind (4:00)
3. Heavy Weight (3:56)
4. New Crown (5:36)
5. Tall Ships (5:12)
6. Feelings (2:26)
7. "I Ain't Got No" (4:07)
8. She Got It (2:46)
9. My Tangerine Dream (5:16)
10. Radio (5:06)
11. I Don't Know Why (4:04)
Músicas de autoria de Andrew Stockdale.
Créditos:
Andrew Stockdale: Vocals, Guitar
Ian Peres: Bass, Keys
Vin Steele: Drums

Disco: Victorious [Bonus Tracks]
Ano: 2016
Faixas:
1. The Love That You Give (2:39)
2. Victorious (4:25)
3. Baroness (3:16)
4. Pretty Peggy (3:49)
5. City Lights (3:51)
6. The Simple Life (3:13)
7. Best Of A Bad Situation (3:08)
8. Gypsy Caravan (3:35)
9. Happy Face (3:31)
10. Eye Of The Beholder (4:01)
11. Remove Your Mask [Bonus Track] (3:58)
12. Wedding [Bonus Track] (3:21)
Músicas de autoria de Andrew Stockdale, salvo "Gypsy Caravan", composta por Andrew Stockdale e Kram, e "Wedding", composta por Andrew Stockdale e Kadavar.
Créditos:
Andrew Stockdale: Vocals, Guitar, Bass
Ian Peres: Organ
Josh Freese: Percussion (faixas 1-4, 7, 9, 10)
Joey Waronker: Percussion (faixas 5, 6, 8, 11, 12)
Brendan O'Brien: Additional Percussion, Organ, Piano, Guitar


Biografia:
Para aqueles que ainda não se familiarizaram com a gênese da Wolfmother, segue abaixo uma história simplificada da banda australiana.
Por meio de um amigo em comum, Andrew Stockdale e Chris Ross conheceram-se numa festa na casa de Chris, e depois de Stockdale tecer comentários sobre a coleção de sintetizadores e os equipamentos do estúdio caseiro do anfitrião, os dois reuniram-se na semana seguinte para uma jam.
O improviso, que se poderia chamar de "rock-and-roll", prolongou-se, como já era esperado – mais com cara de jam disco, com várias pessoas improvisando em diferentes instrumentos sobre uma batida sampleada. Não aconteceu muita coisa nos próximos meses, exceto a feitura de "Woman".
As sessões continuaram por meses a fio. Não havia nada planejado: os sons se repetiam, os envolvidos pesquisavam o desconhecido; sem estrutura sonora, sem canções, sem cantor. O drama do primeiro disco da Wolfmother perdurou por quase um ano até Stockdale montar, junto com Ross, uma demo de cinco faixas – Myles Heskett tocou bateria numa música.
Pouco tempo depois, Stockdale formou uma banda, com Heskett e Ross, para uma apresentação da demo no The Hopetoun. A performance superou as expectativas – a banda executou "Woman" pela primeira vez – e, incentivado pela recepção, o trio resolveu continuar e fazer mais um show. Antes, porém, tratou de gravar outra demo, compondo algumas canções em conjunto. A nova demo tornou-se o EP que apresentou "Woman", "Dimension" e "White Unicorn".
O show subsequente realizou-se em Vic On The Park, Sydney, Austrália, como atração secundária. Chegando ao local, o trio deu-se conta que não tinha sido batizado. No último minuto, Ross sugeriu o nome Wolfmother, inspirado no romance Skinny Legs, de Tom Robbins, que ele estava lendo, e Heskett e Stockdale, embora relutantes, acataram a sugestão. E, como mostrou a história, o nome pegou.
Seguiram-se quatro anos de turnês, tocando em centenas de concertos no mundo inteiro. Paralelamente, seu primeiro álbum longo, homônimo, lançado por uma grande gravadora, ganhou vários discos de platina, além de outros prêmios. Mas a Wolfmother rumava rapidamente para um final prematuro, com a tensão criativa transbordando para o domínio particular dos seus fundadores.
Com a melhor das boas intenções, Ross e Heskett retiraram-se em 2009, abrindo caminho para Stockadale – a própria encarnação da banda, no entendimento do público – assumir o legado da Wolfmother. De volta a Brisbane, Queensland, Austrália, Stockdale conectou-se com Dave Atkins, da Resin Dogs, que aceitou tocar bateria em algumas demos novas. Atkins também recomendou Ian Peres, jovem músico de Gold Coast, Queensland. Segundo Stockdale: "Esse garoto perambula pelo meu estúdio e toca quase exatamente igual qualquer música da Wolfmother!". A última peça do quebra-cabeça veio através do guitarrista Aidan Nemeth, que convenceu Sotockdale a transformar o grupo num quarteto.
A banda gravou então "Cosmic Egg", em Los Angeles, Califórnia, EUA, no Sunset Boulevard Studio, com produção de Alan Moulder (My Bloody Valentine, Smashing Pumpkins, Ride, Nine Inch Nails). As músicas que compõem o disco foram colecionadas de diferentes datas e lugares, geográfica e espiritualmente – de acordo com Stockdale, na época "algumas canções foram compostas muito espontaneamente durante as últimas duas semanas de gravação, outras estavam espalhadas, aqui e ali, há dois anos".
Apropriadamente, o título do seu segundo disco relaciona-se à milenar teoria otimista do buraco negro, conforme a qual a implosão de uma estrela não instigaria o desaparecimento do cosmo mas sim o seu recomeço.
"Cosmic Egg" tornou-se o campeão de vendas da banda em 2010, internacionalmente. O grupo tocou nos grandes festivais da América do Norte e da Europa e abriu para a AC/DC na excursão de maior sucesso comercial da banda de Angus Young na Austrália. O estresse de uma extensa turnê e o tempo longe da família estafaram Atkins, que deixou a banda amistosamente. Will Rockwell-Scott, da Mooney Suzuki, assumiu seu lugar na bateria.
Depois de um breve hiato em 2013, a Wolfmother lançou um disco longo de inéditas em 2014, chamado "New Crown" (Metal Storm; tradução livre do inglês).

4 comentários:

luis disse...

great post on a great band
part the 10 years version of debut and the dvdrip

Indignaldo Silva disse...

Thanks for comment.

Rockandre disse...

Thank you very much for this great post, very much appreciated!

Indignaldo Silva disse...

You're welcome.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...