sexta-feira, 27 de fevereiro de 2015

The Watts - The Watts

Front
Banda: The Watts
Disco: The Watts
Ano: 2008
Gênero: Classic Rock
Faixas:
1. The One Place She Won't Go (Taylor, Cash) 3:53
2. Take Me (Cash) 3:40
3. Hearsay (Taylor) 2:46
4. Monarch to Mexico (Cash) 4:08
5. A Matter of Pride (Taylor, Whisnant) 4:30
6. Butterflies (Cash, Taylor) 4:20
7. Children (Taylor) 4:07
8. Until at Last I Meet the Next One (Taylor) 3:03
9. Sparingly (Cash) 3:05
10. Away With Words (Dannert, Taylor) 4:22
11. Candlelight (Taylor, Cash) 4:00
12. The Trouble We Get Into (Taylor) 2:42
Créditos:
Chris Cash: Vocals, Guitars
Tad Taylor: Vocals, Guitars
Kyle Dannert: Bass, Backing Vocals
Donavan Turner: Drums, Percussion, Backing Vocals
Aaron Whisnant: Backing Vocals ("The One Place She Won't Go", "Matter of Pride")
https://mega.co.nz/#!s54jGKCZ!dGMsp0sEYCCvYUW0g2laENlvoU8qysRPPHYdi6MKVqA

Biografia:
A biografia da Watts foi extraída do site da banda, hoje desativado, e segue, nos parágrafos seguintes, em versão livre do inglês.
A Watts é uma banda de rock 'n' roll, tanto no sentido básico quanto no sentido eclético da conotação. Uma sólida formação com dois guitarristas, abastecidos com um pulsante contrabaixo e uma bateria, a Watts tem estilo e som para deliciar os puristas do rock clássico, e o grupo gerou comparações com The Beatles, Led Zeppelin, Grateful Dead e Santana.

6
A Watts, porém, não é, de maneira nenhuma, uma banda de rock revivalista. Composta por quatro membros que afiaram seus dotes musicais na década de 80, apresentando-se e compondo canções durante os anos 90 e início de 2000, a banda tem um apelo moderno para o público, e também tem sido comparada com Sugar Ray, Red Hot Chili Peppers, Sublime e 311.
Com influências tão diversas quanto suas personalidades individuais, o estilo da Watts abrange elementos do funk de Nova Orleans, do R&B de Chicago e do soul de Detroit, bem como inflexões do reggae jamaicano e do sabor florescente do southern rock indígena da sua terra natal, o estado da Carolina do Sul, nos Estados Unidos.
A banda reuniu-se pela primeira vez durante o verão de 2006, quando o baterista Donavan Turner e o baixista Kyle Dannert juntaram-se aos vocalistas e guitarristas Chris Cash e Tad Taylor, que tocavam juntos anteriormente numa banda de blues.

Nenhum comentário:

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...