quarta-feira, 4 de fevereiro de 2015

The Black Crowes - Shake Your Money Maker [Bonus Tracks]

Cover
Banda: The Black Crowes
Disco: Shake Your Money Maker [Bonus Tracks]
Ano: 1990
Gênero: Blues Rock, Hard Rock, Classic Rock
Faixas:
1. Twice As Hard (4:11)
2. Jealous Again (4:36)
3. Sister Luck (5:15)
4. Could I've Been So Blind (3:45)
5. Seeing Things (5:20)
6. Hard To Handle (3:08)
7. Thick N' Thin (2:44)
8. She Talks To Angels (5:31)
9. Struttin' Blues (4:10)
10. Stare It Cold (5:16)
11. Don't Wake Me [Bonus Track] (3:32)
12. She Talks To Angels [Acoustic] [Bonus Track] (6:19)
13. Mercy, Sweet Moan [Unlisted Track] [Bonus Track] (1:19)
Músicas de autoria de Rich Robinson e Chris Robinson, menos "Hard To Handle", composta por Redding, Isbell e Jones.
Créditos:
Chris Robinson: Singer
Rich Robinson: Guitar
Jeff Cease: Guitar
Johnny Colt: Bass
Steve Gorman: Drums, Cymbals
Chuck Leavell: Piano, Organ
Laura Creamer: Backing Vocals
https://mega.co.nz/#!s54jGKCZ!dGMsp0sEYCCvYUW0g2laENlvoU8qysRPPHYdi6MKVqA

Biografia:
A Black Crowes tornou-se célebre nos anos 90 revivendo a aparência (cabelos compridos, calças de veludo, coletes enfeitados, corpos incrivelmente magros) e a sonoridade bluseira e doidona, com duas guitarras roqueiras, dos grupos setentistas Rolling Stones e Faces.
Stan Robinson foi um cantor da velha guarda que conseguiu emplacar um sucesso em 1959: "Boom-A-Dip-Dip". Embora desencorajasse seus filhos, Chris e Rich, a abraçarem a carreira musical, em 1984 ambos formaram a banda Mr. Crowe's Garden (assim chamada em razão de um conto de fadas curtido na infância).

25

Posteriormente o grupo passou a denominar-se Black Crowes, tendo Chris abandonado a faculdade ao longo do caminho. Seu primeiro disco, "Shake Your Money Maker" (4° lugar, 1990), vendeu um milhão de cópias e ganhou o prêmio Best New American Band da revista Rolling Stone, através de votação dos articulistas e leitores do periódico. Era um típico álbum de rock revivalista, e seus singles redundaram em pequenos sucessos: "Jealous Again" (75° lugar, 1990), "She Talks To Angels" (30° lugar, 1991) e "Hard To Handle", cover de Otis Redding (26° lugar, 1991). O grupo obteve êxito dentro e fora do país, desde então, com pelo menos treze outros músicos passando pela eterna porta giratória dos irmãos Robinson. Em março de 1991, a ZZ Top dispensou a Black Crowes da abertura dos seus shows, em turnê patrocinada pela cervejaria Miller, devido às declarações sarcásticas de Chris Robinson, ao vivo, em Atlanta, sobre mercantilismo.

7

Em maio daquele ano, a banda iniciou sua própria excursão, e, após três shows, destituiu o grupo Maggie's Dream, contratado para abrir as suas apresentações, após ouvi-lo numa propaganda radiofônica da referida indústria cervejeira. No mesmo mês, Robinson recebeu voz de prisão por tentativa de agressão e perturbação da paz, durante uma discussão, após um show, com uma freguesa de uma loja de conveniência em Denver. Três meses mais tarde, sem contestar as acusações (obteve liberdade condicional de seis meses e multa de $53), desnutriu-se e exastou-se durante uma turnê britânica. Após sua recuperação, a Crowes tocou em Moscou, na turnê Monsters Of Rock, realizada na extinta União Soviética.

5
Com o novo guitarrista Marc Ford (da banda Burning Tree, de Los Angeles), a Crowes investiu na sua cruzada pró-maconha, tocando, em abril de 1992, no Great Atlanta Pop Festival, organizado pela NORML (National Organization to Reform Marijuana Laws). Dois meses depois, "The Southern Harmony And Musical Companion" (nome retirado de um livro de hinos religiosos antibelicistas), segundo álbum da banda, encabeçou a parada da Billboard; mas seus singles, mais uma vez, não resultaram em grandes sucessos: "Remedy" (48° lugar, 1992) e "Thorn In My Pride" (80° lugar, 1992).
Em fevereiro de 1993, a banda apresentou-se gratuitamente em Houston, com sua própria segurança escolhida a dedo, contrabalançando a estrutura armada num show realizado em outubro de 1992, em que os guarda-costas contratados, segundo avaliação do grupo, teriam agredido fãs. No mês seguinte, a Crowes encerrou um show após tocar apenas uma música, aparentemente por causa de uma briga de bastidores entre a sua equipe de retaguarda e policiais de repressão ao narcotráfico à paisana.

21

O chefe de segurança e o supervisor de merchandising da banda acabaram denunciados por ofensa física e resistência à prisão. O disco "Amorica", de 1994, alcançou o 11° lugar nas paradas, porém novamente sem render nenhum single de sucesso. A capa original do álbum, estampando a foto de uma calcinha de biquíni, com os pelos pubianos da mulher que a veste transbordando da peça, teve de ser alterada após a recusa de algumas lojas em vender o disco.
A gravação de "Three Snakes And One Charm" (15° lugar), em 1966, ocorreu sob tensão. O grupo retornou a Atlanta para registrar o disco, mas desconcentrou-se devido a uma ação judicial movida por um ex-empresário (o processo acabou arquivado mais tarde por decisão do tribunal que o analisou). No ano subsequente, a banda dispensou o guitarrista Ford, enquanto Johnny Colt, baixista original do grupo, saiu por conta própria (no seu lugar entrou Sven Pipien, de Atlanta, amigo da banda). "Sho' Nuff", contendo uma seleção retrospectiva da carreira da banda, saiu em 1998.

23

E, em 1999, o grupo transferiu-se para a gravadora Columbia, que lançou o disco "By Your Side" (26° lugar), saudado como um alegre retorno à velha forma. O single "Kicking My Heart Around" subiu ao 3° lugar das paradas. No mesmo ano, a banda uniu-se ao guitarrista Jimmy Page, ex-Led Zeppelin, para uma série de concertos no Greek Theatre, documentados no disco "Live At The Greek" (64° lugar, 2000), lançado em 2000. Os artistas também excursionaram para a divulgação do álbum. Na véspera do ano-novo de 2001, Chris Robinson destacou-se na mídia de novo, ao casar-se com a atriz Kate Hudson, então com 21 anos. Filha da atriz Goldie Hawn e do cantor e compositor Bill Hudson, Kate recém personificara (2000) a groupie Penny Hudson no filme "Almost Famous" (nota minha: no Brasil, "Quase Famosos"), uma saga roqueira setentista autobiográfica do diretor Cameron Crowe.
 20
"Lions", disco de 2001, chegou ao 20° lugar nas paradas, e a banda viajou intensamente para difundi-lo. Todavia, em janeiro de 2002, o baterista Seve Gorman abandonou o grupo, que entrou no chamado "hiato". Na sequência, Chris Robinson lançou dois álbuns solos, em 2002 e 2004, e Rich Robinson também editou um, em 2004. "Live", gravado em Boston em 2001, chegou às lojas em 2002, mas estacionou no posto 137 da Billboard 200.
Os Robinsons reuniram a Crowes em 2005 e lançaram outro disco ao vivo – "Freak 'N' Roll ...Into The Fog" (18° lugar), gravado no The Fillmore, em San Francisco – em 2006. O lineup continuou variando: em 2007, o guitarrista Luther Dickinson, da North Mississippi Allstars, passou a integrar oficialmente a banda. Já em 2008, a Crowes lançou "Warpaint" (5° lugar, 2008), seu primeiro álbum de estúdio em sete anos e o mais bem-sucedido desde 1992. Um disco duplo registrando os concertos da turnê sequente, "Warpaint Live", aportou em junho de 2009, mas não alcançou as paradas. Dois meses depois, porém, a Crowes lançou o desafetado "Before The Frost... Until The Freeze", gravado em cinco dias no estúdio de Levom Helm, em Woodstock, NY, e o álbum, finalmente, chegou ao 12° lugar no Top Twenty da Billboard. Vários críticos saudaram o disco como um (re)resgate da antiga sonoridade que consagrou a banda (nota minha: segundo noticiou a revista Rolling Stone em 16 de janeiro de 2015, a banda teria acabado em razão de divergências entre os irmãos Robinson) (The Rolling Stone Encyclopedia of Rock & Roll. Third Edition. Edited by Holly George-Warren and Patricia Romanoswki. New York: Fireside, 2001, pp. 78-9; tradução livre do inglês).

3 comentários:

Der Bier Musketier disse...

cool

Rockandre disse...

Thank you very much for this excellent post.

Indignaldo Silva disse...

You're welcome.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...